Avisos

Culto Mensal de Ação de Graças – 02/2009

Significado das Oferendas

Através das oferendas, simbolizadas por alimentos, dados a nós pela Grande Natureza, provenientes da montanha, do campo, do rio e do mar, expressamos afetuosamente o nosso mais sincero sentimento de gratidão a Deus.

Esta cerimônia evidencia também a real importância do valor da vida e da Luz de Deus, a autêntica essência da energia espiritual, que nos sutenta, protege e eleva.

Objetivo

O culto mensal de Ação de Graças do Templo Luz do Oriente é oficiado no primeiro domingo de cada mês, em agradecimento pelas dádivas que diariamente recebemos.

É também a oportunidade para pedirmos a Deus e Meishu Sama força e coragem a fim de podermos dedicar-nos com amor à concretização do Plano de Deus na Terra, tornando-nos instrumentos cada vez mais puros de canalização do Johrei.

A intensidade da Luz que envolve nossas almas, neste dia, tem um poder infinitamente amplo manifestado em sublimes vibrações de harmonia, verdade e justiça.

É pois, muito importante, nesta data, a participação devota e irrestrita de todos os membros e frequentadores.

Fotos

Salmo

Hito no Michi

Michi no tame
yo no tame hito no tame no mi wo
tokijiku2 omou hitozo tootoki.

 

Oyoso yo ni
tsuyoki wa onore wo uchi3 wasure4
tadashiki michi wo tsuranuku hito nari.

 

Samoshiki wa
ono ga tegara wo morobito ni
shimesan5 to suru kokoro nizo aru.

 

Shishin naku
tadashiki michi wo mamorinaba
oomimegumi wo yuta ni uku nari.

 

Yukashikere
wagami no koto wo ato ni shite
hito no yokare to negau kokoro no.

 

1michi – lê-se / mitchi / 2 tokijiku – lê-se / tokidjiku /
3 uchi – lê-se / utchi / 4 wasure – lê-se / wassure /
5 shimesan – lê-se / shimessan /

 

 

Caminho do Homem

Precioso é
o homem que, em primeiro lugar, pensa
no caminho e sempre quer ajudar o mundo.

 

O homem forte
é aquele que se esquece de si mesmo, e
percorre o caminho correto até o fim.

 

Querendo mostrar
ao mundo apenas as próprias façanhas,
o coração humano torna-se miserável.

 

Recebe graças
abundantes quem segue o reto caminho,
nunca pensando em interesses pessoais.

 

Muito louvável
é querer, de coração, o bem de todos
deixando, em segundo plano, metas pessoais.

Ensinamento

Ensinamento de Meishu Sama

Importância Espiritual do Museu de Hakone
(06/07/1952)

 

Até agora, não dei as devidas explicações sobre o significado, em sentido espiritual, do Museu de Arte que edifiquei em Hakone. Ao pisarmos essa terra, aproximamo-nos do Mundo Espiritual nela reinante, e esse é o primeiro efeito que tal museu exerce sobre nós ─ o que até justifica o quanto ele é necessário. Trata-se de um local onde existe muita Luz e, por isso, só o fato de alguém entrar em contato com essa terra já é motivo para a pessoa ter o seu corpo espiritual bastante purificado.

No período da edificação do Museu de Arte, tudo correu muito depressa, segundo o próprio Plano de Deus. Não há exemplo no mundo de outra construção que tenha se dado de forma tão rápida quanto essa. Hoje em dia, de modo geral, a maioria das pessoas influentes socialmente não se interessa por religião, não chegando sequer nem a tocar nesse assunto. Mas, agora, com a inauguração do Museu de Hakone, será despertado em muitos o desejo de apreciar as suas obras de arte ─ o que levará ao aumento gradativo do número de seus visitantes.

Só o seu acervo de porcelanas chinesas já é suficiente para o Museu de Hakone poder ser considerado o melhor do mundo. Entretanto, tais coleções não advêm de trabalho humano. Nesse ponto, foi Deus quem trabalhou muito. As obras de arte expostas em Hakone geram nas pessoas um impacto muito profundo. Claro, purificam-lhes o próprio espírito. Por isso que quem visita o Museu de Hakone, uma só vez que seja, jamais se esquece da visita que fez ─ e cada vez que se lembra dela, seu espírito, através do próprio fio espiritual que liga a pessoa a esse local sagrado, vai sendo purificado pouco a pouco, mesmo que não se tenha consciência desse fato.
Dessa forma, quando esses visitantes ouvirem falar a respeito dos Ensinamentos da Messiânica, irão mudar paulatinamente ─ até mesmo aqueles que jamais demonstraram o menor interesse em relação ao assunto. E Hakone vem se tornando um museu famoso, com um número de visitantes cada vez maior.

Entretanto, deve-se destacar que, em especial, no tocante a questões religiosas, são as pessoas mais influentes que, necessariamente, precisam entendê-las ─ o que não invalida o fato de que o ideal mesmo seria todos se interessarem. Porém, na realidade, são as classes dirigentes que precisam ser tocadas, já que cabe a elas exercer maior influência no sentido de modificações de caráter social. Caso contrário, o mundo não poderá ser salvo verdadeiramente. Mas Deus criou um museu justamente para isso: para fazer com que aspectos de sentido espiritual viessem a ser compreendidos. Os que entram em contato com a terra de Hakone aproximam-se do Mundo Espiritual nela existente ─ e eis o primeiro efeito que o Museu de Arte exerce sobre quem o visita. Como já mencionei antes, é nesse sentido que ele é tão necessário.

Quando alguém não se mostra capaz de compreender assuntos relativos a Deus, é porque o próprio espírito secundário da pessoa está em atuação, criando-lhe obstáculos nesse sentido. São pouquíssimos os que não possuem a capacidade de entender verdadeiramente. O que acontece é que muitos entendem, mas, mesmo assim, não demonstram o menor interesse ─ apesar de receberem de Deus as mais inúmeras graças. Algo impede essas pessoas de ingressar na fé. É o espírito secundário delas atrapalhando-lhes o caminho. E quando uma pessoa se encontra nessas condições, mesmo que haja nove pontos positivos, ao ler um único artigo negativo publicado em jornais, ou mesmo ao ouvir de alguém qualquer comentário maledicente, isso já vem a ser o suficiente para levar à anulação daqueles nove pontos favoráveis. Basta um negativo para eliminar nove positivos ─ fato que se deve a meros cochichos do espírito secundário diretamente no ouvido de alguém.

Assim sendo, vê-se que o ideal vem a ser o enfraquecimento da força que o espírito secundário pode exercer. Mas, para isso, é preciso que se pise na terra sagrada de Hakone ─ o que, aliás, é sempre muito bom. No entanto, pessoas ilustres e intelectuais não querem essa aproximação, de jeito nenhum. Só que, por outro lado, trata-se de pessoas que cultivam um apreço especial por arte ─ aspecto esse que vai atraí-los até Hakone, onde o próprio Mundo Espiritual do local tem muita Luz, o que, consequentemente, gera o enfraquecimento da atuação de espíritos secundários. Portanto, visitar Hakone é sempre excelente, seja lá por que motivo for. Só o simples fato de alguém ir até esse local já é ótimo.

O Museu de Arte de Hakone costuma deixar uma forte impressão nas pessoas, exercendo diretamente sobre seus espíritos uma influência bastante considerável. Ao apreciarem as obras ali em exposição, é como se os visitantes colassem o próprio espírito nelas, impregnando-as de Luz ─ assim como se estivessem colocando em cada peça um Ohikari. Então, aqueles que já tiveram a oportunidade de apreciar essas obras, cada vez que se lembrarem delas, irão se purificar através de Luz espiritual, a qual, mesmo sendo invisível, manifesta uma força incrível.

É claro que os nossos adeptos procuram incentivar pessoas a conhecer o Museu de Arte. Mas agora, tendo ciência do significado espiritual dessa questão, vão ter mais força ainda em suas próprias palavras quando convidarem alguém para visitar Hakone. No entanto, mesmo assim, existe um aspecto negativo que noto nas pessoas em geral: elas têm cabeça ruim. Em termos superficiais, até que se poderia considerar terem cabeça boa, mas, no meio, não é o que ocorre. Superficialmente, aparentam ser espertas, entretanto, no centro, nota-se que são ignorantes ─ fator que se deve à existência de nuvens na cabeça. Porém, quando alguém vai a Hakone, tais nuvens tendem a diminuir bastante, fato que ocorre da seguinte forma: quando o visitante retorna à sua casa e se lembra da visita que fez ao Museu de Arte, exatamente nesse momento, conecta seu espírito com Hakone, através de fios espirituais e, com isso, vai purificando as suas próprias nuvens. Dessa forma, só o fato de alguém pensar em mim já é suficiente para a pessoa purificar. E quanto mais se lembrar, mais purificada e evoluída se tornará.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaques

Meishu Sama

Johrei

Aulas do Reverendo Nakahashi

Templo Luz do Oriente

Construção da Torre de Miroku