» » Celebração do Reino do Céu na Terra e Celebração em Homenagem a Antepassados

Celebração do Reino do Céu na Terra e Celebração em Homenagem a Antepassados

A data de 15 de junho de 1931 marca o início, no plano espiritual, da transição da Era da Noite para o Dia.

Relembra também a subida de Meishu Sama, por determinação de Deus, ao Monte Nokoguiri no Japão. Nesse dia, o Mestre, acompanhado de aproximadamente trinta discípulos, aguardou ali o nascer do Sol.

Fatos misteriosos aconteceram, muitos dos quais só revelados anos mais tarde. A partir de então, a data de 15 de junho assumiu um significado importantíssimo dentro da missão de Meishu Sama.

Significado das Oferendas

Através das oferendas, simbolizadas por alimentos, dados a nós pela Grande Natureza, provenientes da montanha, do campo, do rio e do mar, expressamos afetuosamente o nosso mais sincero sentimento de gratidão a Deus.

Esta cerimônia evidencia também a real importância do valor da vida e da Luz de Deus, a autêntica essência da energia espiritual, que nos sustenta, protege e eleva.

Trechos do Ensinamento de Meishu Sama

Século XXI, publicado no livro: Evangelho do Céu III – Reino Divino, p.21

 

Salmo de Meishu Sama

 

Chijootengoku

 

Inishieyu

ima no imamade yume to nomi

omoishi kono yo no tengoku umarenu.

 

Chiisanaru

manako wo mochite ooi naru.

Kami no shigumi no wakarazarameya.

 

Chijootengoku

tsukuran to shite ware wa ima

chikara kagiri ni isoshimi ni keru.

 

Byoo hin soo

mattaku kiyuru bunka koso

tengoku rakudo no bunka narikeru.

 

Kono sukui

ika ni machikemu Kirisuto ya

Shaka Mahometto tachi yorokobi taramu.

 

 

Reino do Céu na Terra

 

O Reino do Céu,

que até hoje parecia um sonho

para a humanidade, está nascendo na Terra.

 

Tendo apenas

uma pequenina visão, ninguém consegue

compreender o grandioso Plano de Deus.

 

O Reino do Céu,

esforçando-me até a última gota,

quero agora estabelecer neste mundo.

 

Uma cultura

livre de doenças, pobreza e conflitos

surgirá numa terra cheia de alegria.

 

Tão esperada

salvação é motivo de alegria

também para Cristo, Sakiyamuni e Maomé.

 

 

Celebração em Homenagem a Antepassados – 20 abril de 2014

 

Celebração realizada todo 3º domingo do mês.

Objetivo

Esta cerimônia tem por objetivo proporcionar uma oportunidade para que os nossos antepassados, bem como todos aqueles ligados a nós por fios espirituais, recebam bastante Luz e lenitivo.

Assim, mais aliviados e purificados, poderão cumprir plenamente a missão que lhes foi confiada por Deus.

O vínculo dos antepassados conosco é profundamente marcante. Por isso, ao colaboramos para que eles se elevem, estaremos promovendo não só o nosso aprimoramento, mas também o de toda a humanidade.

 

Salmo de Meishu Sama

Kyurei

 

Utsusomi no

sukui wa kagiri aru monozo

tama no sukui wa jiyuu mugenaru.

 

Kakuriyo no

sukui no waza mo Ookami no

mimune ni kanaeba tengoku ni irinan.

 

Tootoki wa

hito tou mono nari ikikawari

shi ni kawaritsutsu hatena no inochi.

 

 

Salvação das Almas

 

Limitada é,

no mundo, a salvação do corpo físico.

Para a da alma, que é livre, não há obstáculos.

 

Para ingressar

no Reino do Céu, a Arte da Salvação

deve corresponder ao coração de Deus Supremo.

 

Tornar a vida

eterna, morrendo e renascendo sempre,

é a suprema grandiosidade humana.

 

Fotos

 

Deixe uma resposta